Pai que abusou sexualmente da filha por sete anos é preso em Tangará da Serra

O suspeito irá responder por pelo menos três infrações ao art. 217-A do código penal, tendo pena que varia de 08 a 15 anos de prisão

101
Super Ótica, Fone: (69) 3451-2164

 

A Polícia Civil de Sapezal cumpriu mandado de prisão preventiva contra um homem de 36 anos, acusado de abusar sexualmente da filha. A ordem de prisão foi cumprida na quinta-feira (16), na cidade de Tangará da Serra (239 km de Cuiabá-MT), após uma informação recebida na delegacia.

Oliveira Atacarejo

De acordo com as investigações, em andamento na delegacia de Sapezal, FS é suspeito de abusar sexualmente da filha de 16 anos, desde que ela tinha 9 anos. Conforme relato da jovem, por diversas vezes o pai a constrangeu, levando-a para o banheiro, onde durante o banho a garota tinha o corpo acariciado por ele. Em outra  ocasião, o investigado manteve relacionamento sexual com a vítima no interior do automóvel da família.

O delegado Valmon Pereira da Silva afirmou que o caso é grave e que lamentavelmente a jovem, como era de se esperar, tem claros sinais de trauma por conta dos abusos, devendo ser encaminhada para avaliação psicológica na rede municipal.

O suspeito  irá responder por pelo menos três infrações ao art. 217-A do código penal, tendo como pena que varia de 08 a 15 anos de prisão.

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560