Rondônia – Bebê de oito meses estuprada morreu por asfixia mecânica, segundo certidão de óbito

689
Super Ótica, Fone: (69) 3451-2164

A certidão de óbito do bebê de oito meses que morreu na última sexta-feira (13) com suspeitas de ter sido abusada sexualmente, informa que a morte aconteceu por asfixia mecânica direta. A constatação foi feita pelo médico legista Murilo Sergio Valente Aguiar. Os pais da menina e um tio estão presos por determinação da Justiça.

Momentos após dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Leste, o bebê teve a morte declarada. Na ocasião, o médico Francisco Collins Neves atestou que haviam sinais de violação sexual, segundo a ocorrência policial.

Oliveira Atacarejo

A morte do bebê continua sendo um mistério. A mãe diz que a amamentou horas antes de constatar que a filha não mais respirava. Ela teria ido dormir. O pai e um tipo ficaram na casa da frente e quando a mãe ouviu gritos de uma outra filha, disse que constatou que a criança de oito meses não mais respirava.

A PM foi acionada e depois da constatação da morte os três foram levados para a Central de Polícia. O delegado então pediu a prisão temporária para que a Polícia Civil aprofundasse as investigações.

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560