Super Ótica, Fone: (69) 3451-2164

Um avião de pequeno porte caiu, no início da noite, em uma fazenda, a cerca de 4 km do centro de Guarantã do Norte (230km de Sinop) nas proximidades do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT). O empresário Jair José Demski e o filho dele, João Anderson Desmki, morreram na hora.

De acordo com informações de um bombeiro, a aeronave pegou fogo, após bater no solo, e ficou completamente destruída. O soldado Lenielson da Cruz confirmou, ao Só Notícias, que os corpos das duas vítimas foram arremessados para fora do avião.

“Eram duas pessoas na aeronave. Os corpos foram projetados para fora. O fogo foi controlado, uma vez que caiu em uma área que o milho já havia sido colhido. Poucas chamas, foram controladas na hora. O avião destruiu completamente. Ficou irreconhecível”, explicou Lenielson.

Oliveira Atacarejo

Uma fonte informou que o avião modelo RV 10 pertenceria a um empresário em Guarantã. Está sendo apurado de qual cidade decolou. O destino final seria Guarantã do Norte e caiu a cerca de 2 km do aeródromo. Quatro bombeiros trabalharam na ocorrência e utilizaram um caminhão bomba-tanque.

A área foi isolada e a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) fez os procedimentos de análise das circunstâncias do acidente.

João era empresário na construção civil, no setor de pré moldados com empresas em Guarantã do Norte e filiais em Itaituba, Novo Progresso e Santarém (PA).

Só Notícias

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560