Um agente penitenciário salvou a vida de um homem na manhã dessa segunda feira, na avenida JK, centro da cidade de Jarú. Ferido nas costas por golpes de facão, ele corria pela rua, perseguido por outro homem, completamente furioso.

O agente conseguiu imobilizar o agressor até a chegada da PM, quando a história começou a ser explicada. Segundo o agressor, sua ira se justificava porque a vítima na verdade é um estuprador, que teria abusado de sua filha durante vários anos. Ele era esposa da ex-mulher do agressor e o caso foi registrado pela mãe da adolescente, que hoje tem 15 anos e, segundo ele, vinha sendo abusada desde os seis anos.

O pai conta que veio de Ariquemes para avisar o proprietário de uma loja de produtos agrícolas que ele empregava um estuprador, mas quando viu o homem na rua não se conteve e tentou matá-lo a golpes de facão.

Oliveira Atacarejo

Levado ao pronto socorro, o acusado de estupro disse que caminhava pela rua quando ouvi alguém gritando para que corresse e então sentiu um golpe nas costas. Para se defender ficou “girando” em volta de um veículo até ser salvo pela agente penitenciário. Os dois foram conduzidos a UNISP onde os fatos serão esclarecidos.

Foto: Reprodução/ Jaru Online
Foto: Reprodução/ Jaru Online

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560