O eletricista Gerson Francisco Nunes, de 46 anos,  funcionário da Rondonorte, empresa terceirizada da Energisa, foi assassinado na manhã desta sexta-feira com quatro tiros quando, supostamente, fazia uma religação  de energia numa residência no bairro Aponiã, zona norte de Porto Velho.

O crime ocorreu na manhã desta sexta-feira na rua Enrico Caruso, no bairro Aponiã. O funcionário foi assassinado com um tiro  na cabeça, outro na boca e dois no tórax e chegou a discutir com o assassino, que o agrediu à coronhadas antes de matá-lo.

Oliveira Atacarejo

O criminoso estava num veículo Strada branco e ainda não foi identificado pela polícia.

Câmeras de segurança instaladas nas imediações vão ajudar na identificação, assim como uma testemunha, outro trabalhador da Rondonorte, que correu para não ser morto.

A Energisa emitiu a seguinte nota à imprensa:

A Energisa lamenta profundamente o assassinato do funcionário da terceirizada Rondonorte no momento em que prestava serviço no bairro Aponiã, em Porto Velho. A empresa informa que está trabalhando em conjunto com sua contratada para apoiar a polícia nas investigações e prestar total apoio à família.

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560