Em Teixeirópolis (RO), foi registrado um crime que deixou a população aterrorizada, na verdade uma cene de filme de terror, mãe e filha foram assassinadas com  requintes de crueldade, a menina teve o pescoço decapitado por machado e a mãe foi morta asfixiada.

As vítimas foram identificadas como; G. G. F., 39 anos, e a sua filha S. V. G. de J., de apenas 11 anos. De acordo com as informações da Polícia, supostamente houve  luta corporal com o assassino, pois a cama dela estava quebrada e um dos corpos estava  localizado no chão da casa, separado da cabeça por um violento golpe de machado.

Oliveira Atacarejo

Conforme relatos a mãe, morreu na cama de braços abertos, aparentemente se debateu muito para na tentativa de se salvar, foi morta  asfixiada.

Segundo a Polícia foi encontrado  na cozinha o suposto travesseiro  usado para asfixiar a mulher no quarto. O machado usado para matar a menina também foi localizado.

Os corpos de mãe e filha foram descobertos no final da manhã desta quarta-feira (25) na residência das vítimas e já estavam em  estado de putrefação.

A Polícia ainda relatou que jamais havia acontecido algo tão macabro na cidade, devido  o grau de agressividade e violência que o assassino empregou para matar as vítimas.

Até o momento ainda não se sabe o motivo e nem quem cometeu o crime. A investigação será coordenada pelo delegado Niki Alves Locatelli.

RELEMBRE O CASO:
URGENTE: Mãe e filha são encontradas mortas dentro de um quarto em Teixeirópolis

Em Teixeirópolis (RO), na tarde desta quarta-feira, dia 25, foram localizados o corpo de uma mulher e de uma criança.

De acordo com as primeiras informações, os corpos são de mãe e filha, porém o corpo da mulher foi identificado apenas pelo nome de C. As vítimas estavam cobertas por lençóis e ensanguentados, um na cama e o outro no chão.

Ainda conforme os relatos a menina tinha apenas 11 anos. Os corpos já estavam em  estado de putrefação, o odor forte chamou a atenção dos vizinhos, então avisaram a mãe da vítima, que compareceu ao local e arrombou a porta da residência e encontrou os corpos.

A Polícia Militar esteve no local com a  Polícia Técnico-Científica (Politec) e a Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste, onde coletaram informações para investigar o caso.

Segundo a Polícia Militar  a última visualização da mulher no número de whatsApp dela foi na madrugada de sexta-feira, dia 20,  para sábado, dia 21, entre 2h04 e 2h08 da madrugada.

Foto: Reprodução/Correio Central
Foto: Reprodução/Correio Central
Foto: Reprodução/Correio Central

 Fonte: Rolim Notícias

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560