21 jogadores do Corinthians testam positivo para COVID-19

ALE-RO

Dos 27 jogadores do elenco do Corinthians, 21 já tiveram contato com o vírus Sars-Cov-2, causador da Covid-19, segundo os resultados apresentados após os testes clínicos. Ou 77,7% do grupo de jogadores.

Mas o que isso significa na prática?

Significa que o Timão fará a sua retomada dos treinos com seis jogadores ainda suscetíveis à contaminação – fora Jô, que ainda não fez exames e não se encaixa em nenhum grupo por enquanto. E que, na volta das competições, o elenco terá, ao menos, 21 imunes.

Oliveira Atacarejo

Para os seis ainda não-infectados e para os funcionários da comissão técnica que também não tiveram a doença, o cuidado precisará ser redobrado. E o isolamento no pré e pós-treino é fundamental – isolamento que, para os jogadores que já foram infectados, acabou sendo falho.

Segundo o Corinthians, 13 dos 21 infectados já não apresentaram o vírus no exame molecular (RT-PCR), o que é feito com a mucosa do nariz, mas têm a presença do anticorpo iGg segundo o exame sorológico (que tira sangue da ponta do dedo). Isso indica uma infecção já encerrada.

Exames mostram que 77,7% do elenco teve contato com o vírus — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag.Corinthians

Exames mostram que 77,7% do elenco teve contato com o vírus — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag.Corinthians

Todos foram assintomáticos, ou seja, não sofreram com sintomas mais pesados da Covid-19, como febre, tosse seca, cansaço, dores de garganta e cabeça, diarreia, perda de paladar e olfato etc.

Outros oito atletas apresentaram presença do vírus no exame molecular e o anticorpo IgM no exame sorológico, o que indica infecção em andamento. Por isso, ficarão fora das primeiras atividades.

– Temos bons dados para dizer que com mais de dez dias de Covid-19 você já não é mais infeccioso – esclarece José Eduardo Levi, pesquisador do Instituto de Medicina Tropical da USP e Gestor de Pesquisa e Desenvolvimento da Dasa.

Esse grupo de oito atletas é assintomático ou pré-sintomático. Ou seja, ou não terá sintomas da doença ou ainda não teve os sintomas. Mesmo assim, precisa se manter em isolamento social. Segundo a Organização Mundial de Saúde, eles transmitem a doença sem perceber.

– Num plano geral, metade das transmissões acontece por quem é sintomático. Outros 45% são de pré-sintomáticos, pessoas que ainda não sentiram nada, que estão transmitindo e que mais para frente vão sentir. E 5% é a transmissão do assintomático. Contribuem pouco, mas contribuem. Por quê? Porque não espirra e não tosse, então coloca menos gotículas no ar – disse o virologista.

Em 95% dos casos, os pacientes apresentam todos os anticorpos após 15 dias. Segundo o último balanço, o Brasil tem 50.667 mortos pela doença e soma 1.087.185 casos confirmados.

Elenco do Corinthians em treino no CT Joaquim Grava — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Elenco do Corinthians em treino no CT Joaquim Grava — Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Timão realizou um total de 190 testes. Este número, além dos jogadores, inclui funcionários e familiares que vivem com os colaboradores. O total entre os membros de comissão técnica e estafe também é considerado alto.

Quatro serão afastados do retorno das atividades por estarem contaminados e outros 17 tiveram a doença, se recuperaram e desenvolveram anticorpos para a Covid-19.

Entre os funcionários do CT Joaquim Grava, 12 já estão recuperados e outro será afastado do retorno, que acontece nesta segunda-feira. Para voltar ao CT, serão tomadas medidas preventivas ao novo coronavírus, com base no protocolo definido junto à Federação Paulista de Futebol.

Confira as informações dos resultados dos testes enviadas pelo Corinthians ao GloboEsporte.com:

Total de testes = 190 (com familiares)

Jogadores:

  • 8 afastados
  • 13 já tiveram e estão recuperados
  • 6 ainda sem contato com o vírus

Comissão e estafe:

  • 4 afastados
  • 17 já tiveram e estão recuperados
  • Número de não-infectados desconhecido

Funcionários do CT:

  • 1 afastado
  • 12 já tiveram e estão recuperados
  • Número de não-infectados desconhecido

Total: 42 pessoas recuperadas e liberadas/ 13 afastados

O Corinthians preservou a identidade dos infectados. O único nome mencionado na nota oficial do clube foi o massagista Raimundo “Ceará”, que apresentou sintomas da doença e foi hospitalizado.

Ele já apresentou melhora, mas, como pertence ao grupo de risco estabelecido pela Organização Mundial da Saúde, será preservado das atividades. O mesmo acontecerá com todos os funcionários acima de 60 anos.

A partir de terça-feira, os atletas começarão a bateria de avaliações físicas, testes bioquímicos e fisiológicos para o retorno às atividades. Os treinos com bola só estão permitidos a partir de 1º de julho.

O Corinthians listou algumas das medidas tomadas para evitar a propagação do novo coronavírus, tais como:

  • Não utilização de vestiários;
  • Distribuição de Equipamento de Proteção Individual (EPI) para todos os funcionários nas dependências do CT (incluindo atletas, exceto durante atividades físicas);
  • Instalação de pontos de higienização com álcool espalhados;
  • Divisão de grupos fixos;
  • Realização de atividades ao ar livre no campo;
  • Designação de fisioterapeutas aos mesmos grupos de atletas para não haver variação de contato;
  • Não serão servidas refeições no centro de treinamento para diminuir risco de compartilhamento de objetos.
  • Os treinos não poderão ser acompanhados pelos profissionais de imprensa.

Não há previsão para a retomada do Campeonato Paulista. Faltando duas rodadas para o término da primeira fase, o Corinthians está na terceira colocação do Grupo D, com chances remotas de avançar ao mata-mata. O Timão está cinco pontos atrás do Guarani, segundo colocado, e já não consegue alcançar o líder Bragantino.

Fonte: G1

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560
Mania Mulher
ALE-RO