Governo de Rondônia
Campanha Dengue Governo de Rondônia
Campanha de Prevenção ao Coronavírus Governo de Rondônia

Um jovem de 12 anos, morador da Rua Freijo, Bairro Orleans, em Vilhena (RO), foi encontrado morto por sua irmã mais velha na varanda dos fundos de sua casa.

Segundo informações da família, o jovem aparentava estar bem mentalmente, não ter qualquer tipo de depressão e também não era apegado a celular.

Oliveira Atacarejo

O fato aconteceu por volta das 14h15min, quando sua irmã retornou para a casa e se deparou com o corpo do jovem, que havia lhe pedido para ir buscar uma bicicleta que estava no conserto, numa oficina e também lhe comprasse uns doces.

Ao retornar, depois de ir à avenida Paraná, para atender os pedidos do irmão, a menina o encontrou na varanda, nos fundos da casa, pendurado numa corda.

Campanha Dengue Governo de Rondônia

pai do jovem trabalha numa fazenda e a mãe conseguiu um emprego recentemente, ambos ficaram arrasados. Em Vilhena não há registro deste tipo de morte relacionado a alguém tão jovem como neste caso.

choque foi ainda maior porque o adolescente não demonstrava estar enfrentando qualquer tipo de problema, tanto que havia passado as horas anteriores ao acontecimento brincando com os primos.

site atende as recomendações das autoridades de saúde mental e, ao noticiar casos como esse, deixa algumas informações relevantes:

MITO

Falar sobre suicídio pode “dar a ideia” para quem não tinha pensado nisso. Você não dá ideias mórbidas a uma pessoa suicida ao falar sobre suicídio — ao contrário, falar abertamente sobre o assunto é uma das coisas mais úteis que você pode fazer.

O QUE FAZER

Saiba como agir quando alguém apresentar sinais de comportamento suicida:

– Não deixe a pessoa sozinha
– Remova álcool, drogas, medicamentos ou objetos afiados que possam ser usados em uma tentativa de suicídio
– Procure ajuda médica. Leve a pessoa a um pronto atendimento ou busque ajuda de um especialista em saúde mental
Contate o Centro de Valorização à Vida
Telefone: 141 ou 188
E-mail: [email protected]

Fonte: Vilhena Notícias/Folha do Sul

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560