Governo de Rondônia
Campanha Dengue Governo de Rondônia
Campanha de Prevenção ao Coronavírus Governo de Rondônia

Uma jovem de 16 anos tinha como rotina cuidar dos irmãos no período da manhã enquanto a mãe trabalhava, e na parte da tarde, era obrigada a fazer programa. O que chamou a atenção é o fato de que a menina era obrigada pela própria mãe para cometer a atitude taxada como imoral.

Ao se negar fazer um dos programas agendados pela genitora, a jovem foi expulsa de casa. Após isso, tomou coragem e ligou para a Polícia Militar. O caso está sendo apurado pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA).

Oliveira Atacarejo

A mãe foi presa em flagrante nesta quinta-feira (15) e autuada pelo crimes de favorecimento da prostituição e também de lesão corporal. Ela já tinha passagens pela DPCA, porém, os crimes não foram divulgados.

Com 40 anos de idade, agendava os encontros que a adolescente faria por meio de mensagens no Whatsapp, e também salas ao vivo de bate-papo. “A menina chorou durante o depoimento e se mostrou irritada e nervosa por ter que contar, repetir a história, então nós tivemos bastante cautela”, contou a delegada Franciele Candotti em entrevista ao G1.

Campanha Dengue Governo de Rondônia

De acordo com a delegada responsável pelo caso, os valores dos programas girariam na faixa de R$50 a R$80 e o valor seria para “ajudar nas despesas de casa”. A menina cuidava dos dois irmãos menores na parte matutina, e, ao todo, possui 8 irmãos e irmãs.

Na manhã desta sexta-feira (16) foi presidida uma audiência de custódia, e segundo informações da delegada, a mãe teria se beneficiado da liberdade provisória, saindo da prisão onde se encontrava.

Fonte:I7 News

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560