Governo de Rondônia
Campanha Dengue Governo de Rondônia
Campanha de Prevenção ao Coronavírus Governo de Rondônia

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO) torna público o início do Processo Seletivo (PS 2021/1). As inscrições são para duas mil vagas em cursos técnicos (Integrado ao Ensino Médio, Subsequente e Concomitante), distribuídas em 38 cursos para os dez campi da instituição, nos municípios de Ariquemes, Cacoal, Colorado do Oeste, Jaru, Ji-Paraná, Guajará-Mirim, Porto Velho, São Miguel do Guaporé e Vilhena. Os cursos ofertados pelo IFRO são públicos e gratuitos.

O período de inscrição vai do dia 13/11 ao dia 13/12/2020, com a novidade deste ano que é a divisão do Processo Seletivo em fases, que neste primeiro momento será realizada apenas para os cursos técnicos. Para a seleção nos cursos de graduação haverá outro calendário, que o IFRO informará em data oportuna aos candidatos.

Oliveira Atacarejo

“O IFRO não parou diante da adversidade da luta contra a covid-19. Esse é um período atípico e nos adaptamos a ele, e o processo seletivo 2021 é mais uma ação do IFRO em busca de soluções para a crise que vivemos, proporcionando oportunidades de preparação para o mercado de trabalho aos estudantes de Rondônia”, destaca o Reitor do IFRO, Uberlando Tiburtino Leite.

A principal orientação aos candidatos é que antes de efetuar a inscrição leiam atentamente os editais e o Manual do Candidato disponibilizados no site do IFRO em: https://selecao.ifro.edu.br/. A publicação da lista dos inscritos e do resultado preliminar tem previsão de ocorrer no dia 16/12/2020. Já o resultado final e a convocação em 1ª chamada do Processo Seletivo serão divulgados no dia 22/12/2020.

Campanha Dengue Governo de Rondônia

A distribuição de vagas nos processos seletivos do IFRO possui previsão de vagas destinadas à ampla concorrência e à reserva de vagas conforme as Ações Afirmativas/Cotas Sociais. Estão incluídos públicos que tenham suas formações anteriores integralmente em escolas públicas, conforme faixa de renda familiar bruta e para os que se autodeclararem pretos, pardos e indígenas e para pessoas com deficiência (PCD).

É preciso observar as normas para cada caso, bem como, antes de optar por uma modalidade de cota, o candidato e seu responsável legalmente investido deverão verificar se preenchem os requisitos de acordo com as exigências descritas no edital e conforme legislação vigente.

Para realizar a inscrição é preciso o CPF e o documento oficial de identificação com foto (do próprio candidato). Além de documento escolar oficial com as notas, que pode ser Boletim Escolar Oficial do ensino fundamental ou médio, Histórico Escolar do ensino fundamental ou médio ou outro equivalente, desde que devidamente assinado, carimbado e datado, física ou eletronicamente, pela Direção e/ou Secretaria Escolar ou entidade certificadora competente.

Fonte: JaruNotícia

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560