Governo de Rondônia

O ex-presidiário identificado como Samuel Gonzales de Souza, 39, foi morto a tiro na madrugada desta quarta-feira (25) em uma residência na Rua Martins, bairro Nacional, zona Norte de Porto Velho (RO). Ninguém foi preso.

As informações da polícia afirmam que Samuel estaria na frente de casa no momento em que uma pessoa ainda não identificada chegou atirando.

O ex-presidiário foi atingido na região das costelas, saiu correndo para dentro de casa, mas morreu no banheiro.

Oliveira Atacarejo

Ninguém soube dizer quem teria sido o autor do crime.

A Polícia Militar ao ser chamada solicitou a Perícia Criminal e o rabecão, bem como agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV)

Segundo consta em boletim de ocorrência, Samuel estaria sendo acusado de estuprar uma criança de apenas 10 anos.

Os investigadores da Homicídios apuram se a execução tem ligação com o crime de abuso sexual.

O homem teria saído a três meses do presídio onde cumpriu pena por crime de tráfico de drogas.

Fonte: Rondoniaovivo

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560