Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

Uma audiência virtual entre advogados e um juiz, na última terça-feira (26), no tribunal  em Pichanaki, na região central peruana de Junin, acabou se transformando em conteúdo pornô.
O advogado peruano Héctor Cipriano Paredes Robles esqueceu a câmera ligada para os outros colegas e praticou sexo ao vivo com uma mulher dentro do seu escritório.

Nas imagens do vídeo da audiência, que viralizou, os dois ficam completamente nus e iniciam o ato sexual, no escritório mesmo.

Enquanto isso, o juiz e outros advogados assistem à cena incrédulos. “Estamos testemunhando atos obscenos que representam uma violação da decência pública e são agravados pelo fato de estarem sendo registrados nacionalmente”, disse o magistrado John Chahua Torres. Depois, uma funcionária confirma: “É a câmera de Hector Paredes Robles”.

Oliveira Atacarejo

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560