Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

Prefeitura de Taiobeiras (MG) informou que o idoso foi levado para o local após tentar agredir uma gestante na rua. Responsável pela casa informou que o idoso ‘se recusou a usar o remédio e partiu para agressões físicas aos demais internos e funcionários da casa. Para evitar que alguém se machucasse, foi necessária a imobilização do mesmo’.

Um vídeo gravado por um buraco no muro de uma casa de repouso mostra um idoso sendo arrastado com as mãos e pés amarrados. As imagens foram feitas em Taiobeiras (MG), nessa terça-feira (2), por uma vizinha do estabelecimento que afirma sempre escutar choros e gritos no local. Após fazer a gravação, ela procurou a Polícia Militar e registrou um boletim de ocorrência. O caso será encaminhado para Polícia Civil.

“Cheguei em casa e escutei o idoso gritando que estava sendo machucado, como já tinha escutado outras vezes, me preocupei e resolvi olhar pelo buraco do muro. Ao ver o idoso sendo arrastado no chão de terra e brita, amarrado, peguei o celular e tive a ideia de filmar. Nada justifica amordaçar e arrastar. Os idosos passam a noite em claro, gemem de dor e não tem ninguém pra dar remédio. Isso é recorrente”, disse a mulher que preferiu não se identificar.

A denunciante afirma ainda que a casa de repouso fica localizada em um endereço, mas alguns idosos são levados para outro imóvel, que fica na rua de cima, onde o vídeo foi feito. Assista:

Oliveira Atacarejo

Em nota, a responsável pela casa informou que o idoso se “recusou a usar o remédio e partiu para agressões físicas aos demais internos e funcionários da casa. Para evitar que alguém se machucasse, foi necessária a imobilização do mesmo”. Destacou também que o serviço “é sério, pautado na legalidade e nos direitos humanos”.

Fonte: G1

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560