Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

Margaret e Derek Firth, ambos com 91 anos, morreram com três dias de diferença devido à Covid-19 no Hospital Trafford General, em Manchester, Inglaterra, na semana passada.

Os idosos conseguiram ver-se uma última vez e o encontro emocionante ficou registado. Na fotografia, tirada pela filha, Margaret e Derek dão as mãos nas suas camas de hospital.

Começaram a namorar com apenas 14 anos e estavam casados há 70. Tiveram cinco filhos e 11 netos. Ambos foram internados devido a problemas de saúde e, mais tarde, ficaram infetados com Covid-19, avança o Manchester Evening News.

Oliveira Atacarejo

A filha do casal, Barbara Smith, disse que quando recebeu uma chamada do hospital a informar que a mãe não teria muito tempo de vida o pai quis visitar a mulher.

Quando lá chegou Margaret perguntou-lhe: “Onde andaste?”

Barbara revela que o pai deve ter ficado infetado com o novo coronavírus durante a visita mas garante que “não havia forma de ele não a ir ver”.

Derek morreu primeiro, a 31 de janeiro, e Margaret acabou por perder a vida três dias depois do marido.

Fonte: Correio da Manhã

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560