Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

Mais de 130 mil pessoas já foram atingidas pelas cheias de rios na capital e no interior do Acre.

Enchentes dos rios Acre, Juruá, Envira, Iaco, Purus e outros mananciais deixaram centenas de famílias desabrigadas – os moradores estão sendo conduzidos a abrigos temporários, como escolas, igrejas e quadras desportivas.

Além da capital, Rio Branco, outras nove cidades foram afetadas até o momento: Cruzeiro do Sul, Feijó, Tarauacá, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira, Jordão, Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Porto Walter.

Oliveira Atacarejo

Na terça-feira (16) o governador do estado, Gladson Cameli, decretou situação de emergência devido às cheias e a outros problemas que atingem o Acre, como surto de dengue, falta de leitos de UTI para pacientes com Covid-19 e crise migratória na fronteira com o Peru, com a Força Nacional tendo que intervir para bloquear a entrada de estrangeiros pelo estado.

“Vamos decretar estado de emergência no Acre por causa das enchentes dos rios, além do problema com a superlotação das unidades de saúde por causa da pandemia, surto de dengue e crise migratória na fronteira”, afirmou o governador na ocasião.

Fonte: Verguia

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560