Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

O cantor sertanejo Diego Argenton, que formava a dupla Bruno e Diego, morreu na noite da última quinta-feira, em decorrência de complicações do quadro de Covid-19.

O cantor tinha 28 anos e deixa mulher e dois filhos, Lara, de apenas um mês, e Lucca, de 5 anos. Segundo reportagem do UOL, o cantor morreu após não conseguir leito de UTI na cidade de Assis Chateaubriand, no interior do Paraná.

A reportagem informa que Diego testou positivo para covid no início de março, mas apenas na última segunda-feira (15) começou a passar mal. De acordo com Nathalia Argenton, esposa de Diego, a família tentou vaga em UTI por sete horas em cidades da região, mas não conseguiu.

Oliveira Atacarejo

No dia de sua morte, por conta de exames realizados no tratamento para covid, o cantor descobriu que tinha diabetes – fator que aumenta o risco de vida de pacientes de covid-19.

“Estamos totalmente sem chão pelo fato de ter sido algo muito rápido. Ele estava bem na segunda-feira e nem sei explicar o que sentimos agora.

Desde o início da semana, não fizeram o teste de diabetes logo no início do atendimento para saber da condição dele”, lamentou Nathália.

Fonte UOL

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560