Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

Uma festa de aniversário foi flagrada nesta quinta-feira (15), durante mais uma “Operação Urgência”, coordenada pelo Corpo de Bombeiros em Porto Velho, para fazer valer o decreto de distanciamento social e outras vedações relacionados ao combate ao Coronavírus.

Na festa havia um grupo de 20 pessoas. As equipes chegaram ao local por meio de denúncia de vizinhos. A comemoração acontecia na calçada da residência, o que chamou atenção dos agentes.

Na ronda, outros flagrantes aconteceram como no “Skate Park”, onde novamente jovens foram orientados a deixar o local. Moradores que também utilizavam o local para prática esportiva sem o uso de máscaras foram abordados para uma breve explicação do que diz o decreto vigente, que coloca todos os municípios na fase 1 do Plano de Ação Todos por Rondônia, e que inclusive proíbe a circulação de pessoas após às 21 horas de segunda a sexta, dentre outras normas.

Oliveira Atacarejo

Além dessas, outras irregularidades também foram flagradas, como funcionamento de bares, reuniões de pessoas ingerindo bebidas alcoólicas, e até mesmo partidas de futebol clandestinas que foram encerradas.

Balanço

Na 8ª noite da “Operação Urgência”, 67 intervenções foram realizadas, desses estabelecimentos comerciais, 56 estavam sem funcionamento, 7 em condições regulares, houve duas orientações, um registro de aglomeração, uma autuação, nenhuma notificação, nenhum local interditado e nenhum TCO lavrado.

Desde o início das fiscalizações do ano passado até o momento, cerca de 6.754 intervenções foram registradas. 3.445 estabelecimentos foram visitados, mais da metade, 2.588 entenderam a importância das ações e foram encontrados sem funcionamento. Desses, 212 acabaram notificados, 25 tiveram que ser desativados, 91 interditados, 171 TCO foram lavradas e registradas 49 aglomerações.

Alguns contatos de emergência, para realizar eventuais denúncias de aglomerações ou outras irregularidades são disponibilizados à população, através dos canais de comunicação: 190 (Polícia Militar); 197 (Polícia Civil) e 193 (Corpo de Bombeiros).

Toda a ação é liderada pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBM), e conta com o apoio e a participação da Polícia Militar (PM), Polícia Civil (PC), da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), da Superintendência Estadual de Comunicação (Secom), do Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), o Departamento Estadual de Trânsito de Rondônia (Detran) e da Prefeitura de Porto Velho, por meio do Departamento de Vigilância Sanitária, Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz), Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) e Subsecretaria Municipal de Serviços Básicos (Semusb).

FONTE: RondoniAgora

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560