Governo de Rondônia
Governo de Rondônia

O homicídio ocorreu na manhã desta sexta-feira, 07 de Maio, em uma residência na rua Sergipe esquina com a avenida Rio Grande do Sul, no setor 19, em Vilhena.

Conforme apurado pela reportagem, na noite de quinta-feira, 06 de Maio, o acusado de alcunha “Bin Laden” havia ido à casa da vítima identificada como  Sidnei Nogueira, vulgo “Nei”, 41 anos, onde juntos, os amigos ingeriram bebidas alcoólicas.

Já durante a madrugada, Nei e Bin Laden tiveram uma briga e durante a ação,  a princípio, havia até se entendido, no entanto, o acusado pegou a arma pertecente a vítima e foi embora do local.

Oliveira Atacarejo

No final desta manhã, Bin Laden foi ao local e pediu para que a amásia de Nei fosse a um determinado local para buscar algo para ele e ela, assim o fez.

Neste momento, Bin Laden sacou do revólver que pertencia à vítima e foi ao quarto onde Nei estava dormindo, efetuando três disparos de arma de fogo contra a cabeça de Sidnei e um quarto disparo, que atingiu a palma da mão.

Após efetuar os disparos, Bin Laden saiu tranquilamente, caminhando até a esquina e só então correu, passando pela amásia de Nei, que ao ouvir os tiros estava voltando correndo para a residência.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militares foram acionados, sendo constatado o óbito de Nei e a área isolada pelos militares.

A Polícia Técnico-Científica (POLITEC) esteve no local realizando a perícia criminal e coletando os vestígios do crime.

Após os trabalhos periciais, o cadáver foi liberado para funerária Dom Bosco realizar os devidos procedimentos para velório e sepultamento da vítima.

O caso segue sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil de Vilhena.

Vale salientar que vítima e acusado possuem diversas passagens pela polícia e que Nei inclusive estava assinando a documentos judiciais.

fonte rotapolicialnews

Comentários

Central Cell Celulares - 3451-4560