Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
Governo de Rondônia - Institucional
terça-feira, junho 25, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Rondoniense morre em decorrência da “Doença do Capim”

Paulo Sergio Conceição Rodrigues de 39 anos, faleceu neste domingo (21), em decorrência de problemas pulmonares, que segundo seus familiares já o acompanhavam a anos desde que ele foi diagnosticado com a “Doença do Capim”.

A paracoccidioidomicose brasiliensis (PCM) como é cientificamente conhecida, é um fungo que atinge os trabalhadores rurais que colocam na boca um capim contaminado.

Paulo teria contraído a doença por exercer o ato muito comum por trabalhadores rurais, colocar capim na boca e mascar seu caule, a doença tem por característica “definhar” o infectado similar a alguns tipos de câncer.

Essa é uma infecção que ataca principalmente os pulmões, mas também pode atingir mucosa oral ou pele. “Os trabalhadores rurais, quando adoecem, passam a ter muita dificuldade para respirar porque estão com uma infecção, como se fosse uma tuberculose. Mesmo tratando, os pacientes acabam se curando da infecção, mas os pulmões ficam com cicatriz, chamada de fibrose, que causa uma limitação respiratória”.

No caso de Sergio, essa fibrose somada ao longo uso de cigarro, foi deteriorando sua saúde, até causar sua morte, seis anos após contrair a doença.

O Corpo de Sergio está sendo velado na Igreja Assembleia de Deus de Tarilândia, o sepultamento a ser realizado pela Funerária Cristo Redentor, ainda não tem horário previsto.

Fonte: JaruOnline, Via Planeta Folha

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias