Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
domingo, junho 16, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Climatempo prevê dois picos intensos de frio nos próximos dias e temperaturas Devem cair até em Rondônia

Os últimos dias do outono serão marcados por baixas temperaturas. Segundo as previsões mais recentes da Climatempo, dois pico de frio mais intenso são esperados no período entre 10 e 20 de junho. A tendência é que uma nova frente fria avance pelo Brasil no próximo final de semana e favoreça o declínio nas temperaturas já no próximo domingo (11). As condições para geadas ainda não foram informadas.

De acordo com a consultoria, uma massa de ar frio de origem polar vai derrubar as temperaturas nos três estados do Sul do Brasil, sudoeste do Mato Grosso, podendo derrubar as temperaturas ainda no Mato Grosso, áreas de Rondônia e Acre. O sistema, no entanto, não deve avançar para áreas produtoras no Sudeste.

“Neste primeiro pico de frio, que já acontece entre este final de semana e o início da próxima, há uma pequena possibilidade para neve nas áreas mais altas da Serra Geral do Rio Grande do Sul e em Santa Catarina”, afirma a consultoria.

Nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil a tendência é que as temperaturas fiquem mais baixas a partir da próxima semana, sendo esse o segundo pico de frio previsto pela Climatempo.

“Ainda há divergências quanto a intensidade deste segundo pulso de frio, mas as projeções de médio prezo dos modelos de previsão do tempo, indicam que poderá ser bastante forte”, afirma.

O modelo de tendência de temperatura do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) também prevê a entrada da massa de ar frio pelo Rio Grande do Sul a partir do próximo domingo (11). Se confirmada, a massa de ar frio polar pode derrubar até em 10ºC as temperaturas no estado gaúcho.

Na segunda-feira (12), o modelo mostra a massa de ar frio com forte intensidade sobre o Paraguai e avançando para o norte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e chegando também no Paraná e extremo sul do Mato Grosso do Sul.

Além do Brasil, a massa de ar frio também vai provocar queda nas temperaturas na Argentina, Paraguai e Bolívia nos próximos dias.
Veja o mapa de previsão de atuação da massa de ar frio do Inmet e também do modelo GFS: 

GIF 07-06-2023 10-52-52
Fonte: Inmet 
gfs_T2ma_samer_fh0-198

Já com relação a previsão de chuva, não há previsão de mudança significativa nas condições do tempo nos próximos dias. A intensa massa de ar seco em atuação já há alguns dias vai continuar impedindo a formação de nuvens pelo país.

“Uma frente fria passa pelo extremo sul do Rio Grande do Sul e causa aumento de nebulosidade, mas pouca chuva nesta região do estado”, afirma.

O Inmet, inclusive, emitiu novo alerta para baixa umidade relativa do ar válida até as 18h desta quarta-feira na região central do Brasil. “Umidade relativa do ar variando entre 30% e 20%. Baixo risco de incêndios florestais e à saúde”, afirma a publicação na página oficial.

O Instituto mantém também o estado de alerta para chuvas intensas em áreas do Nordeste, com destaque para Salvador, que deve receber os volumes mais expressivos de chuva nesta quarta-feira. Veja o mapa de previsão de precipitação nas próximas 93 horas: 

GIF 07-06-2023 10-57-29
Fonte: Inmet 
Fonte: Notícias Agrícolas

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias