Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
terça-feira, abril 23, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Onda de calor faz Cacoal, RO, ter a segunda maior temperatura da região Norte: 38,2°C

A intensa onda de calor sobre o estado de Rondônia fez a cidade de Cacoal (RO), a 480 quilômetros de Porto Velho, registrar 38,2°C, a segunda maior temperatura da Região Norte na sexta-feira (17).

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), devido ao calorão intenso, a Capital do Café ficou atrás apenas da capital de Roraima, Boa Vista, onde a temperatura foi de 39.6°C.

Abaixo, veja as seis cidades da região Norte mais quentes em 17 de novembro de 2023:

  1. Boa Vista: 39.6°C
  2. Cacoal: 38,2°C
  3. Autazes (AM): 38,1°C
  4. Rio Branco: 38,1°C
  5. Itacoatiara (AM): 37,9°C
  6. Tefé (AM): 37,9°C

A marca de 38,2°C em Cacoal destaca a influência dos fatores climáticos na rotina da cidade. Meteorologistas apontam para previsões meteorológicas específicas que podem ter contribuído para essa elevação de temperatura, incluindo padrões atmosféricos, correntes de ar quente e a presença de massas de ar seco na região.

O calor na capital do café foi maior até mesmo que a capital de Rondônia, conhecida pelas altas temperaturas e mormaço. Na sexta-feira, a temperatura máxima em Porto Velho foi de 36,7°C.

O estado está ‘coberto’ pela onda de calor desde o início da semana. Isso acontece quando há uma temperatura acima da média por um período de mais de cinco dias.

Na atual onda de calor, classificada como uma das mais intensas do ano, a temperatura está 5°C acima da média.

2023 deve ser o ano mais quente em 125 mil anos, diz observatório europeu

A onda de calor se junta a dois eventos que estão fazendo a Terra ficar mais quente: o aquecimento global e o El Niño, fenômeno que deixa as águas do oceano mais quentes.

Previsão para Cacoal

Segundo o Inmet, a cidade vai seguir quente no fim de semana. Neste sábado (18) há previsão de nuvens com pancadas de chuva isolada durante a tarde, mas isso não será suficiente para reduzir a temperatura, quando a máxima deve chegar a 37°C.

Já o domingo (18) deve ser ainda mais quente, quando os termômetros podem atingir 39°C durante a tarde.

Como a sensação térmica pode ser maior do que a temperatura real, devido a diversos fatores climáticos e ambientais, o calorão deve passar de 40°C.

Vários elementos influenciam a sensação térmica. A umidade relativa do ar desempenha um papel crucial na sensação térmica. Quando a umidade é alta, a evaporação do suor é mais difícil, tornando a sensação de calor mais intensa. Por outro lado, em ambientes mais secos, o suor evapora de forma mais eficiente, proporcionando uma sensação de resfriamento.

Fonte: g1-RO

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias