Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
sábado, junho 22, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Janeiro deve ser de chuva e altas temperaturas em RO; veja previsão

O ano de 2023 foi marcado pelas altas temperaturas e pela seca de rios em toda a região Norte. Em Rondônia, o rio Madeira chegou no menor nível já registrado, a usina hidrelétrica de Santo Antônio precisou interromper as operações por algumas semanas e a seca prejudicou o abastecimento, a agricultura, o transporte fluvial e a vida de quem depende dos rios. Para o início de 2024, as projeções para o estado não são muito diferentes.

Segundo os meteorologistas, em janeiro o El Niño, fenômeno caracterizado pelo aquecimento das águas do Oceano Pacífico, deve atingir seu ápice. Com isso, a expectativa é de muito calor e chuva, com um verão mais quente do que o do ano anterior.

Rondônia, Acre e Amazonas serão marcados pelo calor neste mês de janeiro, com temperaturas acima da média para o período e a possibilidade de novas ondas de calor – quando a temperatura se mantém alta por mais de três dias seguidos. A seca também vai se estender até o estado, com menos chuvas do que o comum para o mês.

🌡️ Temperaturas

Segundo previsão do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), na primeira semana de janeiro, as temperaturas devem chegar a 32°C em Cacoal, 33°C em Porto Velho e Ji-Paraná e 34°C em Ariquemes, com umidade relativa do ar variado de 60% a 90%.

💧 Bacia do Rio Madeira

O nível rio Madeira – principal rio do estado – terminou o ano de 2023 em queda, se aproximando novamente do menor registrado para o período na região de Porto Velho. Nos dois primeiros dias do ano, o nível voltou a subir, oscilando entre 7,90 m e 7,75 m.

A previsão do Serviço Geológico do Brasil (SGB) é que nas próximas duas semanas o nível do rio suba devido as chuvas previstas para o período, mas ainda ele deve se manter abaixo da cota de atenção de cheia.

Fonte: g1-RO

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias