Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
domingo, junho 16, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Ator da Record que estava desaparecido é encontrado morto!

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu dois homens, nesta quinta-feira (29/2), acusados de latrocínio (roubo seguido de morte) contra o ator Edson Caldas Barboza. Desaparecido desde o dia 2 de fevereiro, um corpo com características semelhantes ao do ator foi localizado em Seropédica, na Baixada Fluminense. Um dos presos confessou o crime aos oficiais.

A família de Edson foi chamada para realizar um exame de DNA e confirmar que o corpo é do ator. Segundo as investigações, os dois suspeitos, Jairo Inácio Correia e Renan Calixto de Lima, atraíram Edson para um encontro sexual em Engenheiro Pereira, também na Baixada. Chegando ao local, o ator teria sido roubado e obrigado a realizar transferências bancárias para a conta de um dos criminosos.

Depois, ainda teria sido amarrado, colocado no porta-malas de seu próprio carro e executado em um matagal de Seropédica. O veículo foi encontrado no dia 9 de fevereiro, uma semana após o desaparecimento de Edson, em Queimados. A perícia realizada por agentes da Delegacia de Descoberta de Paradeiros identificou marcas de tiros e vestígios de sangue no carro.

Na noite de seu desaparecimento, Edson tinha sido visto em um bar no bairro Coelho Neto, na Zona Norte da capital fluminense. Ele trabalhava como entregador de aplicativo e iria atender uma entrega para o Grajaú, também na Zona Norte do Rio. Porém, entrou no automóvel com o homem desconhecido, e a entrega que ele faria foi cancelada pelo aplicativo.

Um dos homens presos confessou envolvimento no latrocínio de Edson e em pelo menos outros três crimes idênticos. As investigações apontam que a dupla de presos utilizava um site de troca de casais para atrair as vítimas. Elas eram rendidas, obrigadas a realizar transferências bancárias e depois armodaçadas, espancadas e mortas.

A Polícia Civil já apreendeu a arma utilizada no crime e busca agora um terceiro suspeito, já identificado.

Quem era Edson:

Edson era ator e trabalhava também como motorista de aplicativo. Ele fez parte do elenco de Gênesis, novela da Record, em 2021. O artista também atuou no filme luso-brasileiro O Último Animal, de 2023, do diretor Leonel Vieira. Casado com Jennyffer Vieira, era pai de dois filhos.

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias