Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
quinta-feira, abril 25, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Funcionário de sítio é morto e tem corpo incendiado junto com casa: PM tentou apagar fogo, mas canos d’água estavam quebrados

Um homem de 45 anos, identificado como Valdeci Babilon da Silva, foi achado carbonizado em meio aos destroços de uma casa da Linha 72 da zona rural de Ouro Preto do Oeste (RO). A suspeita é que Valdeci, caseiro do sítio, foi morto a tiros durante a madrugada desta quarta-feira (28) e o criminoso incendiou o imóvel de madeira para esconder o crime.

Segundo a equipe da Polícia Militar (PM) que atendeu a ocorrência, um vizinho da propriedade ouviu disparos de arma de fogo durante a noite, mas não ouviu gritos de socorro no imóvel onde Valcir trabalhava como caseiro.

A testemunha ainda relatou aos policiais que, minutos depois dos sons de tiros, olhou pela janela e viu a casa vizinha já em chamas. O morador conseguiu chamar a polícia um tempo depois, pois o local fica distante da cidade.

Valcir foi morto e teve corpo carbonizado após incêndio de casa — Foto: Reprodução/Facebook

Valcir foi morto e teve corpo carbonizado após incêndio de casa — Foto: Reprodução/Facebook

A equipe policial afirma em boletim que, ao chegar na propriedade da Linha 72, encontrou a residência totalmente queimada. E logo depois os policiais perceberam um corpo humano carbonizado, em meio ao entulho.

Os militares ainda buscaram por mangueiras e água, na tentativa de apagar as chamas restantes, mas encontraram todos os canos quebrados, e a caixa de água estava totalmente vazia.

A polícia suspeita que o caseiro foi morto e os criminosos incendiaram o imóvel para ‘despistar’ o homicídio. Os restos mortais de Valdeci foram recolhidos e levados ao Instituto Médico Legal (IML), horas depois do incêndio acabar.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Ouro Preto e ninguém foi preso pelo crime até a noite desta quarta-feira.

A polícia ouviu o proprietário do sítio e o homem contou que contratou Valdeci para trabalhar como caseiro há cerca de três meses.

Corpo de funcionário foi achado carbonizado em meio ao entulho — Foto: Reprodução/PM

Corpo de funcionário foi achado carbonizado em meio ao entulho — Foto: Reprodução/PM

Fonte: g1-RO

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias