Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
Governo de Rondônia - Institucional
domingo, maio 26, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Polícia Federal investiga grupo que desmatou área de quase 700 hectares em reserva indígena de RO

Uma operação de combate à extração ilegal de madeira na reserva indígena Igarapé-Lage, próximo de Nova Mamoré (RO), foi realizada nesta quarta-feira (23) pela Polícia Federal (PF). Um grupo criminoso é investigado por desmatar uma área equivalente a mais de 50 estádios Maracanã.

Segundo a PF, o grupo criminoso desmatou mais de 670 hectares na área de proteção, gerando um impacto ambiental de cerca de R$ 6 milhões, sem considerar o valor de comercialização da madeira.

Os criminosos chegaram a criar um corredor que vai de uma ponta a outra da reserva, além de construir pontes para facilitar o acesso e instalar residências no local.

Adolescentes trabalhavam na extração de madeira em situação análoga à escravidão. Eles eram mantidos nas propriedades e levados todos os dias para o trabalho.

Os agentes destruíram durante a operação diversas cabanas e pontes, sendo que uma delas precisou ser explodida, devido o seu tamanho.

Participaram da Operação Oro Oro mais de 50 agentes públicos de órgãos como Ibama, Funai, Batalhão de Fronteiras da PMRO, Batalhão de Operações Especiais da PMRO, 6º Batalhão de Infantaria de Selva do Exército Brasileiro e Conselho Tutelar de Nova Mamoré.

Cabanas utilizadas por madeireiros foram encontradas dentro da reserva indígena Igarapé Lage, em RO — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Cabanas utilizadas por madeireiros foram encontradas dentro da reserva indígena Igarapé Lage, em RO — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Fonte: g1-RO

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias