Governo de Rondônia - Institucional
Governo de Rondônia - Doação de Sangue
domingo, junho 16, 2024
Prefeitura de Pimenta Bueno

Mãe encontra sangue no quintal de casa e descobre que filho matou amigo em RO; vítima teve barriga aberta e vísceras jogadas em lagoa

Um jovem de 18 anos e um adolescente de 17 anos confessaram ter matado o próprio amigo, identificado como Luiz Fernando, 23 anos, por causa de dívidas. O crime ocorreu no início desta semana na zona rural de Alta Floresta do Oeste (RO). Luiz foi morto a tiros e teve o corpo aberto e as vísceras jogadas numa represa, a cerca de 20 quilômetros da área urbana.

De acordo com o delegado encarregado do caso, o homicídio foi descoberto porque a mãe de um dos suspeitos retornou para casa, por volta das 14h da segunda-feira (4), e notou diversas manchas de sangue no quintal e na varanda de sua residência. Além disso, percebeu a ausência de Luiz Fernando, amigo de seu filho, que havia passado na residência pouco antes.

Preocupada com o que poderia ter acontecido, a mulher chamou a Polícia Militar (PM). Ao chegarem, os policiais encontraram o jovem de 18 anos (filho da mulher) e o adolescente, que confessaram ter assassinado Luiz Felipe.

Aos policiais, os suspeitos revelaram um desentendimento anterior com Luiz devido a uma dívida, mas o valor não foi detalhado. Como resultado desse ‘débito’, a dupla de amigos concordou em cometer o assassinato de Luiz.

O menor de idade foi quem teria ficado responsável por conseguir emprestada a arma de fogo. Enquanto isso, o jovem de 18 anos atraiu e distraiu Luís Fernando na casa de sua mãe, na zona rural.

Minutos depois o menor de idade retornou com a arma. Ele entrou escondido pela lateral da casa, e efetuou um disparo na cabeça de Luiz. A vítima caiu ao solo e o menor efetuou mais três disparos à queima-roupa.

Após o crime, na manhã de segunda-feira, os suspeitos levaram o corpo de Luiz para uma outra propriedade rural, e o deixaram lá por um tempo. Apenas mais tarde retornaram para tentar esconder o corpo.

“Chegando no local eles [suspeitos] cortaram a barriga da vítima, expondo as vísceras, e jogaram tudo dentro da represa, sendo que também jogaram a arma de fogo usada no crime e o próprio celular do amigo Luiz”, revelou o delegado que investiga o caso.

Funcionário de sítio é morto e tem corpo incendiado junto com casa: PM tentou apagar fogo, mas canos d’água estavam quebrados em RO

Saiba mais

A polícia investiga a real motivação do homicídio, se de fato havia uma dívida entre vítima e suspeitos.

Devido à dupla confissão do homicídio, o suspeito de 18 anos foi levado ao presídio público de Alta Floresta do Oeste e o menor transferido para o Centro Socioeducativo de Rolim de Moura (RO). Os dois estão à disposição da Justiça.

Fonte: g1-RO

Mais Lidas

Mais Notícias

spot_img

Últimas Notícias